CD INTEGRIDADE - CLAUDIO NUCCI & FELIPE CERQUIZE

COMPRE O MINAS REAL NA ONERPM (LINK ABAIXO)

25/12/2010

NATAL DE POBRE

Nesta, letra e música são minhas. Para ouvir, clique http://www.goear.com/listen/437dcc5/natal-de-pobre-felipe-cerquize



NATAL DE POBRE
Felipe Cerquize

Vem chegando o Natal
Nós passamos tão mal
Vem chegando o Natal
E o ano todo nós passamos tão mal

Em dezembro passado nós festejamos
Sem nada em nosso barraco
Este será que Papai Noel
Vai se lembrar de nós?

Não quero mais a morte, o morto e a cela
A bala e o punhal
Mas se acaso Papai Noel não chegar
Como é que vai ficar?

Vou ter de olhar para essa lua cheia
E fora-da-lei

Vamos esperar Papai Noel chegar
Mas se ele não chegar
Como é que vai ficar, meu Deus?
Vamos esperar Papai Noel chegar
E se ele não vier?
Como é que vai ficar, meu Deus?

24/12/2010

MAIS UM AMIGO QUE SOBE

Falecimento do jornalista e crítico musical Toninho Spessoto
Hoje, fiquei sabendo do falecimento do amigo Toninho Spessoto. Retirei a nota de falecimento do site http://www.laboratoriopop.com.br/ :

.............................................................................................
"Criador do blog Acordes e apresentador de programas de rádio como o Papo de Músico, na USP FM, o jornalista Toninho Spessoto, 52, morreu nesta quinta (23) em São Paulo, às 8h, de infecção generalizada. A notícia foi confirmada por Daniella Alcarpe, amiga de Spessoto, no blog do jornalista.

Ele estava internado há duas semanas no Hospital do Mandaqui, no Carandiru, também em SP, por causa de uma infecção no joelho - que se alastrou para a parte renal, e chegou a colocá-lo em coma induzido. Antes, vinha se aplicando numa dieta, visando fazer operação de reduçao de estômago.

Spessoto, além de jornalista, era tradutor e intérprete, e colaborou com publicações como as revistas Bizz, Sucesso e Rolling Stone, além do Jornal do Brasil. Fez inúmeras críticas e entrevistas internacionais - por duas vezes, conversou com um de seus grandes ídolos, o maestro e compositor americano Burt Bacharach, para publicações nacionais. Em mais de 30 anos de profissão, foi também editor de jornalismo das rádios Pool FM e Bandeirantes FM de São Paulo, correspondente na capital paulista das rádios Alvorada AM e FM de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Juiz de Fora, e produtor/locutor das rádios Educadora AM e FM de Piracicaba (SP). Atuou, ainda, como assessor de imprensa e produtor nas gravadoras Bompastor e ABW. Spessoto era solteiro e não deixa filhos."
............................................................................................

Infelizmente, a morte faz parte da vida e é necessário tentar encará-la com naturalidade. Com certeza, o meu amigo e parceiro Toninho Spessoto se juntará a tantos outros bons, que também nos deixaram, para nos reger e se fazer presente, sempre que pensarmos nele.

No link http://www.goear.com/listen/5e23063/dama-felipe-cerquize-e-toninho-spessoto está a canção "Dama", parceria que fiz com ele em 2008.


DAMA
Música: Felipe Cerquize
Letra: Toninho Spessoto

Ela não fez nada demais pra chegar assim como chegou
Foi abrindo um sorriso, falando da vida, olhando pro tempo
Veio no rastro da idéia de um dia morno de primavera
Saltou a janela da alma, tomou de assalto meu frio coração

Ela saiu de um sonho dourado, daqueles de criança
Cheia de idéias malucas de vida, amizade, clareiras e luz
Falou das encostas do mundo bordadas num céu de luz e alegria
E quando abri os olhos não teve outro jeito, já era paixão

Dama
Agita o estandarte da valsa que faz com que a vida gire na calma
Dama
Aquieta minha aflição, traz de volta a verdade, a pureza da alma
Resgata no arquivo do tempo a doce lembrança da felicidade
Traz novamente o conforto de um abraço amigo, do sol de verdade

Dama
Atira no abismo o susto, as cordas, algemas, o escuro da lida
Dama
Devolve a leveza do toque, a riqueza do beijo,
a doçura perdida
Me faz ser teu bem, teu amigo e parceiro, me dá de presente o
Perfume da Vida!

Faz valer a pena acreditar num lindo sonho de Amor!

22/12/2010

"EMBOSCADA" É A 2ª MAIS TOCADA DA RADIONLINE

.
"Prezado(a) Felipe Cerquize

Temos o prazer de informar que a música "Emboscada", de sua autoria, está, neste momento, entre as 10 mais ouvidas na http://www.radionline.com.br/ , no Brasil e no exterior. Esta pesquisa é feita por computador, sem interferência manual e à prova de fraudes. Este email é emitido automaticamente para os 10 autores mais ouvidos, uma vez por semana, ou a cada vez que uma música entra entre as 10 primeiras colocadas.

Atenciosamente.

http://www.radionline.com.br/ - Lider de audiência na Internet"

EMBOSCADA
Música: Luhli
Letra: Felipe Cerquize

Anota agora tudo que eu te digo, me registra
Num gravador barato
Fotos que sirvam de abrigo, arquivos

Da memória no retrato
Na parte interna da minha cabeça
No lobo pragmático da mente
Não quero que o dia anoiteça

Mas beijo a noite que se faz presente
Piscar de olhos que te fotografam
Acenos que me velam e te revelam
Paredes da memória que se esbarram

Esquece, esquece agora
Esquece tudo que eu te disse
Esquecimentos servem de emboscada
De tudo que eu me lembro ou quase nada

Esquece, esquece, esquece agora
Porque o que eu falei não faz sentido
A máquina moderna da mesmice
Repete o mesmo sonho colorido

Mas beijo a noite que se faz presente
Piscar de olhos que te fotografam
Acenos que me velam e te revelam
Paredes da memória que se esbarram

E trazem dores que me desmantelam
Motivos pra lembranças
Esquecimentos são de emboscada
Nas curvas e retas das veras semelhanças
De tudo que me lembro ou quase nada

Esquece, esquece, esquece, esquece agora
Porque o que eu falei não faz sentido
A máquina moderna da mesmice
Repete o mesmo sonho colorido

Mas beijo a noite que se faz presente
Piscar de olhos que te fotografam
Acenos que me velam e te revelam
Paredes da memória que se esbarram

Esquece...

Link para audição: http://tinyurl.com/3y2rbfc

21/12/2010

GIRASSÓIS - FELIPE CERQUIZE E MÁRCIO BORGES

Essa parceria, minha com Márcio Borges, pode ser ouvida no link http://tinyurl.com/239u6lw . Letra, abaixo.

GIRASSÓIS
Música: Felipe Cerquize
Letra: Márcio Borges

Nasceu
No breu de uma noite febril
Nasceu de teimoso
Cresceu na raça e floriu

Valeu
O mesmo de antes, depois
Do início do mundo
Só um punhado de heróis
Que levantam
E replantam girassóis

Todas as vidas todos
benditos ventres de mulher
Vento que vem da alma
Levando sempre aonde der
Levantou do chão
Girassol meu bem-me-quer

Brotou
No solo central do Brasil
Caiu em meu colo
Bebeu na taça e sorriu

Então
A flor mais bonita surgiu
A dona do baile
Os dois amantes mais fiéis
Que povoam
E revolvem meus papéis

17/12/2010

SALVAGUARDA


No link http://tinyurl.com/32y3pjz está uma gravação em vídeo de "Salvaguarda", parceria com o músico brasileiro Pedro Moreno, atualmente residente na Espanha. A música fará parte do próximo CD do Pedro, que está em fase de conclusão.

SALVAGUARDA
Música: Pedro Moreno
Letra: Felipe Cerquize

Nenhuma forma de tristeza
vai me convencer.
O amor perfeito e o crime justo
hão de existir.

Nenhuma forma de agonia
viverá em mim.
Na ilusão, vejo a esperança
com chances de ser.

Nenhum tipo de pesadelo
vai me despertar.
As sempre-vivas do meu éden
não me enganarão.

Nenhuma ponte salvaguarda
ruirá em nós.
Não vejo as páginas viradas,
só as que virão.

15/12/2010

"TUDO POR NADA" NA RÁDIO MEC - SALA DO OUVIDOR

                                                                                                           

No dia 15 de dezembro de 2010, o programa SALA DO OUVIDOR, da RÁDIO MEC, apresentou a minha parceria com Nilson Chaves, intitulada TUDO POR NADA. Quem quiser ouvir a íntegra do programa, basta clicar no link  http://tinyurl.com/2g25adb . Letra, abaixo.

TUDO POR NADA
Música: Nilson Chaves
Letra:  Felipe Cerquize

Se juntarmos um pouco de tudo,
um pouquinho, quase nada,
haverá um conteúdo,
um tipo de emboscada,
obtuso, grave, agudo.
face multifacetada.

Se pusermos o pingo no jota,
mas em palavras erradas.
Se as asas da gaivota
um dia forem cortadas,
mudarei a minha rota
para ouvir outras toadas.

E quem sabe lá eu tenha
um pouco do que preciso?
E quem sabe lá eu venha
a morar no paraíso?

Se juntarmos bastante de nada,
abrangendo quase tudo,
a vida será testada
e quem sabe transformada
no seu próprio conteúdo.

14/12/2010

PARCERIA COM NILSON CHAVES AMANHÃ NA RÁDIO MEC


O programa vai ao ar, amanhã (15/12/2010), às 12:30 h, na rádio MEC AM, 800 MHz, Rio de Janeiro. Quem quiser, também poderá ouvi-lo em qualquer lugar do planeta pelo site http://www.radiomec.com.br/am . Será apresentada a canção "Tudo por nada", que tem música de Nilson Chaves e letra de Felipe Cerquize.

15/12/2010 às 12:30 h - "Tudo por nada" - Nilson Chaves e Felipe Cerquize
 

08/12/2010

ALGUMAS FILMAGENS DURANTE A VISITA À ITÁLIA

Com esta mensagem apresento quatro links com filmagens feitas em Reggio Calabria e em Roma. Em três dos quatro está a Trilogia para Trastevere, série de poesias que fiz no exato momento da filmagem. Seguem os links:

1.Apresentação da música "Flor do tempo" realizada no Palácio Campanella, Reggio Calabria, no dia 26 de novembro
http://www.youtube.com/watch?v=qUNwVWxOdsc

2.Trilogia para Trastevere 1
http://www.youtube.com/watch?v=9bKJGaWp8lU

Um dia, passei por Trastevere
e vi que a cidade é moderna
e vi que não estava cego
e vi que tudo vale a pena

Um dia, passei por Trastevere
e notei que a cidade gosta dos seu filhos,
que ela é capaz de gerar frutos,
que ela faz de si o mundo.
Um dia, passei por Trastevere
e vi seu comércio,
seus restaurantes.

Pessoas falando consigo mesmas,
às vezes por loucura,
às vezes por bebida.

Carros pelas ruas de paralelepípedo.
Não é um paralelepípedo igual ao da minha terra
Não são pessoas que cantam e falam
como na minha terra.

Aqui, tudo é pequeno,
grandiosamente pequeno.

Um dia, eu fui a Trastevere.

Felipe Cerquize
(poesia criada durante a própria filmagem)

3.Trilogia para Trastevere 2
http://www.youtube.com/watch?v=dmeBPODRV6s

Todos querem ser felizes,
todos querem encontrar
o lugar em que realizem seus sonhos
ou que lembrem deles em algum lugar
do passado, do presente.

É assim que se sente,
é assim que se vê, às vezes,
o corpo ausente.

Aqui, vejo a mim mesmo,
trinta anos atrás,
quando escutei uma música
e não entendi por que se chamava Trastevere.

Agora, sei que a cidade não é moderna,
agora sei que não estou cego.

É aqui, será sempre aqui,
que eu arremeterei
as minhas melhores lembranças
num passado distante,
que está cada vez mais próximo.

Sempre que quero voltar, eu volto.
Sempre que querem me ver, me vêem.

As pessoas não entendem,
nem eu me entendo,
mas vou levando, admirando,
cantando aos cinquenta e dois anos de idade.

Não sei se isso é verdade,
mas sei que sou verdadeiro.
e por isso saí do meu lugar
para ver o mundo inteiro.

Felipe Cerquize
(poesia criada durante a própria filmagem)

4.Trilogia para Trastevere 3
http://www.youtube.com/watch?v=A75Ziiid6Js

Um dia,
quando ouvir esta poesia,
vou ter a certeza
de que valeu a pena viver.

Valeu a pena conhecer
um pouco da minha juventude,
mesmo quando já tinha
cinquenta e dois anos de idade.

Cada cidade é um pouco de mim.
Cada vida é uma só
e eu vou só,
olhando tudo e todos
acreditando no passado,
duvidando do futuro.

Pé no presente e a gente sente
um pouco das vozes,
um pouco dos sonhos.

As mesas vazias,
pessoas sadias.

Viajando no mundo,
ou mesmo morando na rua pequena,
fazendo novena, olhando a janela
e dela se vendo.

Não está chovendo,
mas a chuva pode cair
a qualquer momento.
Basta um pouco de vento,
basta as pessoas chorarem

É assim que se faz
a mudança de rumos.
É assim que se faz,
é assim que se espremem os sumos.

As pessoas aparecem,
as pessoas somem,
o mundo gira.

Tem gente que pira,
tem gente que expira,
tem gente que se esconde na lira,
na lira dos desejos,
na lira dos delírios.

Onde estão os meus lírios,
onde estão minhas rosas,
que fazem poesias,
que desdobram prosas.

Trastevere, Piazza de Santa Maria.
Aqui, estive um dia
e me lembrei de você.

Felipe Cerquize
(poesia criada durante a própria filmagem)

06/12/2010

ALGUMAS FOTOS DA VIAGEM À ITÁLIA


Trastevere - 29/11/2010
Trastevere - 29/11/2010

Interior do Panteón - 29/11/2010

Vista parcial da fachada do Panteón - 29/11/2010

Vista do Palácio Navona - 29/11/2010

Ponte sobre o Fiuma Trevere (Rio Tigre) - 29/11/2010

Foto em frente ao Coliseu - 29/11/2010

Vista do interior do Coliseu - 29/11/2010

Vista panorâmica do interior do Coliseu - 29/11/2010

Vista parcial do interior do Coliseu - 29/11/2010

Vista panorâmica do interior do Coliseu - 29/11/2010

Vista do Arco do Imperador Adriano -28/11/2010

Fontana di Trevi - 28/11/2010

Teto da Capela Sistina - 28/11/2010

Ao fundo: Pietá - Basílica de São Pedro - Vaticano - 28/11/2010

Vista panorâmica da Praça São Pedro - Vaticano - 28/11/2010

Vista da fachada da Basílica de São Pedro - 28/11/2010

Todos os contemplados pelo Prêmio Nósside - Reggio Calabria - 26/11/2010

Durante a solenidade de entrega do prêmio no Palácio Campanella - 26/11/2010

Foto com a indumentária para recebimento do prêmio - Reggio Calabria - 26/11/2010

Palestra no Museu do Bergamoto - Reggio Calabria - 26/11/2010

Castelo que resitiu ao terremoto de 1908 - Reggio Calabria - 26/11/2010

City tour em Reggio Calabria, ao lado de Paulo Paulo, moçambicano premiado - 26/11/2010

Foto com todos os entrevistados na TV Reggio - 25/11/2010

Entrevista na TV Reggio Calabria - 25/11/2010

Durante a entrevista na TV Reggio Calabria - 25/11/2010

Entrada da TV Reggio - 25/11/2010


Em frente ao restaurante I tre Farfalli - Comidas típicas de Reggio Calabria - 25/11/2010
Ana Maria, Ernesto, Pasquale (chef), Cerquize e Rosalie

Almoço no restaurante I tre Farfalli - Reggio Calabria - 25/11/2010

Rosalie, Cerquize, Ana Maria, Ernesto e Mina em praça pública de Reggio Calabria - 25/11/2010

Cerquize, Ernesto e Edith - Reggio Calabria m- 24/11/2010